Feeds:
Posts
Comentários

Archive for outubro \16\UTC 2013

Angélica, aluna de Licenciatura em Linguagem e Comunicação da UFPR-Litoral, solicitou livros para a Freguesia do Livro. Ela é bolsista de um projeto de extensão chamado Minha Universidade Lê, idealizado e coordenado pela professora Elisiani V. Tiepolo. Também conhecido por MinhaUL, o projeto visa criar uma cultura de leitura na comunidade escolar, a partir de várias ações promovidas de forma integrada e contínua.

 Uma dessas ações é a Feira Livro que acontece sempre às quartas-feiras, entre os blocos didáticos da UFPR-Litoral,  das 18h às 19h, onde são realizados empréstimos de livros para os acadêmicos, docentes e funcionários.

Neste mesmo dia da semana, pela  manhã, o MinhaUL está na Matinfeira, feira da agricultura familiar e artesanato onde se reúnem pequenos agricultores de Matinhos, Morretes, Colônia Maria Luiza e Colônia Pereira, litoral do Paraná.  A  feira está localizada próxima ao Mercado Do Peixe, no centro de Matinhos. Nesse  lugar calmo com bela vista do mar promove-se o incentivo à leitura através de trocas e empréstimos de livros e gibis. Com o tempo, observou-se que um bom fluxo de pessoas visivelmente vão à feira somente para devolver livros e realizar empréstimos.

1383734_679784105374272_31132011_n

1374337_679785755374107_1326216701_n

Esse é o depoimento de Angélica: “Fico com o MinhaUL, das 9h as 12, toda quarta-feira. Coloco livros numa mesa, sinalizo o que é e o povo chega, pergunta, alguns se encantam, outros trazem livros para doar. A conversa flui totalmente direcionada à leitura. Cada um fala de um livro que leu, outro que não gosta de ler, mas o neto gosta… e assim vai. Os próprios feirantes divulgam a leitura e já emprestam livros. Uma lindo resultado, visto que o projeto tem poucos meses apenas. Fica o convite para prestigiarem a Matinfeira, tomar o suco natural da Japonesa juntamente com o verdadeiro pastel de feira, feito com o maior carinho”.

 O MinhaUL funciona apenas a partir de doações de livros e da divulgação de acervos já existentes,  partindo do princípio de criar formas de fazer com que os livros circulem. Por isso, o projeto precisa de doações de livros e gibis para  conseguir levar essa ação adiante. O público é variado e a vontade ler é grande.

P16-10-13_09.18[1]

A Freguesia do Livro acaba de enviar livros para lá e, segundo a Angélica, deram uma revigorada no acervo e no interesse dos clientes leitores. Você está por perto? Envie livros para lá. Você está em Curitiba? Manda para a Freguesia que nós espalhamos livros por vários lugares. Você está longe daqui mas acha que livros devem circular? Doe livros, existem muitas iniciativas como as nossas no Brasil inteiro!

 UFPR – Litoral: http://www.litoral.ufpr.br/feiralivro

https://www.facebook.com/angelica.love.9

Read Full Post »

IMG_1923

A Freguesia do Livro teve a sorte e a honra de estar entre 20 iniciativas sociais selecionadas pelo  Projeto Legado , resultado de uma parceria entre o escritório de advocacia Marins Bertoldi, da INK e do Instituto grpcom. Recebemos deles uma capacitação que nos levou a uma maior organização, foco e  competência. Vamos otimizar a coleta e a entrega de livros e ter caixas mais práticas para nossos pontos de leitura. Vamos incentivar a leitura na nossa comunidade e onde nossos braços e sonhos alcançarem.

A outra boa notícia é que o Projeto Legado iria escolher, entre as 20 iniciativas capacitadas, cinco para receber o investimento para as ações necessárias. E a Freguesia do Livro foi uma delas! Somos 4 amigos e voluntários e… espalhadores de livros, pois acreditamos no poder transformador da leitura.

Estamos felizes. Estamos gratos. E realizados por agora fazer parte de uma rede formada pela Freguesia e mais 19 iniciativas sociais de Curitiba, um grupo de pessoas que, com pequenas ou grandes ações, faz alguma coisa para mudar o mundo e são, para nós, fontes constantes de inspiração. Frutos do Projeto Legado.

Deixamos aqui nosso agradecimento pela confiança depositada. Temos certeza de que o amor pelos livros e a consciência de que a educação é determinante no desenvolvimento de um país, contaram a favor do nosso movimento literário.

IMG_1855

 

Read Full Post »